Comidas típicas de festa junina para ter em casa

A lista passa por bolo de fubá, milho verde, paçoca, canjica, amendoim, curau e outras delícias, mesa enfeitada e playlist para animar.

Galeria com fotos de comidas típicas de festa junina

A necessidade de manter o afastamento social para combater a covid-19 afetou os festejos de São João, uma das datas mais queridas dos brasileiros. Mesmo sem quermesses ou grandes festivais, porque aglomerações continuam proibidas, não tem porque deixar de comemorar o São João. Este ano, a festa junina terá versões personalizadas. Cada um faz a sua. Mas saiba quais comidas típicas de festa junina não podem faltar no arraial caseiro.

Milho, amendoim e mandioca são a base da maior parte dos quitutes juninos. A Embrapa explica que a data dos festejos está associada à colheita desses produtos, desde quando só os povos indígenas viviam no Brasil. O dia de São João é 24 de junho que, em 2020, cai justamente num sábado. Então, só falta disposição.

Algumas delícias podem ser compradas prontas, porque dão trabalho para fazer, como paçoca, pé-de-moleque e pamonha. Outras são simples de preparar em casa, como a pipoca e o milho verde cozido. Dá para comprar bolo de fubá nas casas especializadas que têm em qualquer bairro. Mas o legal é fazer o bolo de fubá e assar em forminhas pequenas e individuais. Assim, não suja prato na hora de comer e ainda enfeita a mesa.

DECORAÇÃO E MÚSICA

Se conseguir, compre amendoim na casca, não confunda com a pele (a parte vermelhinha). A mesa fica bonita. A lista de comidas típicas de festa junina ainda inclui canjica (mungunzá no nordeste), curau (a canjica dos nordestinos), cachorro quente e cuscus. Pastel é um intruso bem-vindo. Compre a massa, prepare o recheio e corte em formato de bandeira junina.

De bebida, quentão de cachaça ou vinho quente, para os adultos, e quentão sem cachaça (tipo um chá quente aromático) para as crianças.

Na mesa, toalha xadrez. Pela casa pendure bandeirinhas coloridas típicas. Use a pipoca no fundo de copos ou vasos para apoiar velas e flores artificiais.

Prepare os trajes e não esqueça da playlist. Não podem faltar: Chegou a hora da fogueira (Lamartine Babo); Pula a Fogueira; e Olha Pro Céu (Luiz Gonzaga).

GALERIA DE FOTOS
previous arrow
next arrow
Slider