Seleção de Idioma

Sexta-feira, 24 de Maio de 2019

NOTÍCIAS

Redação - 06/01/2017

Cresce cultivo de peixes no Brasil

Pesquisadores do Embrapa constatam que a produção nacional passou de 273 mil toneladas de pescado, em 2005, para 574 mil toneladas, em 2015.

Chamado de aquicultura, o cultivo de peixes em cativeiro cresceu bastante em uma década. Passou de 273 mil toneladas de pescado, em 2005, para 574 mil toneladas, em 2015. A expansão deve-se ao aumento do consumo de peixe no país que atraiu investimentos em empreendimentos maiores, impulsionando a produção. A constatação está documentada em estudo realizado pelos pesquisadores Manoel Pedroza, Andrea Muñoz, Roberto Flores e Eric Routledge, da regional do Tocantins da Embrapa Pesca e Aquicultura. Eles apresentaram os resultados da pesquisa em conferência na Escócia promovida pelo IIFET (International Institute of Fisheries Economicas and Trade).



Em comunicado ao mercado da Embrapa, o pesquisador Pedroza declara: "Caso o aumento da produção aquícola nacional continue no ritmo de 10% ao ano, é de se esperar que essa tendência de estabilização dos preços do pescado se mantenha, ao menos no curto e médio prazos”. Também contribui para segurar os preços no varejo o preço competitivo dos produtos importados.

Em 2015, a criação de peixes de água doce representa 84% da aquicultura brasileira. Espécies marinhas correspondem a 16% da produção e crustáceos, como ostras, vieiras e mexilhões contribuem com 4%. A principal criação é de tilápias, que sustentam 38% da produção nacional, seguidas pelo tambaqui, com 24%, mostra o estudo da Embrapa.